Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Palestinos (novamente) tentam tirar Israel da ONU
14/08/2018 10:26 em Notícias

A região fronteiriça de Gaza está quieta, mas a guerra diplomática entre Israel e os palestinos ainda está em curso.

Fontes do Ministério de Relações Exteriores de Israel disseram ao portal de notícias Ynet nesta semana que frustraram outra tentativa dos palestinos de expulsar Israel das Nações Unidas, pelo menos temporariamente.

A medida, segundo os diplomatas israelenses, foi semelhante ao esforço bem-sucedido de suspender a África do Sul da ONU durante o apartheid. Os palestinos argumentaram que a nova lei de Estado-nação de Israel, que consagra sua identidade como o "Estado judeu", não a tornara melhor do que o antigo regime sul-africano.

Na verdade, o esquema estava fadado ao fracasso. Além de precisar de uma maioria de dois terços na Assembléia Geral (o que eles poderiam conseguir), os palestinos também precisavam do apoio de todos os cinco membros permanentes do Conselho de Segurança, incluindo os Estados Unidos.

Para a maioria, não é preciso dizer que tal proposta seria vetada pelo presidente dos EUA, Donald Trump, antes que o representante palestino que o entregasse pudesse chegar até a metade da sala.

Mesmo assim, a moção para obter uma maioria bem-sucedida de dois terços na Assembléia Geral ainda seria uma grande vitória diplomática para todos os antagonistas de Israel. Como tal, o embaixador israelense na ONU Danny Danon está trabalhando em estreita colaboração com sua contraparte americana, Nikki Haley, para garantir que esta e qualquer moção similar seja completamente derrotada em todos os locais.

FOTO: Assembléia Geral da ONU (Amir Levy / Flash90)

Fonte: http://www.israeltoday.co.il/Newsheadlineslist.aspx?utm_source=news&utm_medium=email&utm_campaign=*%20Daily%20Newsletter&utm_content=4325

COMENTÁRIOS